On News: confira as notícias dessa quinta-feira, 28/2
27/02/2019 22:12 em Novidades

Toque das cornetas da Alcoa no próximo sábado (2/3) será parte de testes de rotina (Foto: Alcoa)


CIDADE

- Pelo menos 14 pessoas foram presas pela Polícia Federal durante a operação Barrica, de combate ao contrabando de cigarros paraguaios. A ação foi deflagrada na última quarta-feira, dia 27, em seis cidades de Minas Gerais e São Paulo e teve o cumprimento de 26 mandados de busca e apreensão. As ações se concentraram principalmente em Andradas, que serviria de base para as operações. Ao mesmo tempo, a polícia agiu em Poços de Caldas, Pouso Alegre e Ouro Fino, no sul de Minas, e em Espírito Santo do Pinhal e Mogi Guaçu, no interior paulista. A quadrilha comercializava cerca de 500 caixas de cigarros paraguaios por semana, movimentando 132 milhões de Reais nos últimos cinco anos.

- Um teste será feito com as cornetas da unidade da Alcoa em Poços de Caldas durante o próximo sábado, dia 2 de março. Entre as 8 horas da manhã e meio-dia, as cornetas da fábrica irão soar de forma intercalada, conforme comunicado publicado nas redes sociais. Apesar de se tratar de um procedimento de rotina, a empresa quer evitar que os testes assustem a população dos bairros próximos, na zona sul da cidade. A Alca ainda disponibilizou um telefone para que os moradores entrem em contato: (35) 99161-0360.

- A vereadora Maria Cecília, a Ciça (PT), apresentou um requerimento solicitando informações do Executivo sobre a base de cálculo utilizada para a cobrança do IPTU em Poços de Caldas. A proposição, de autoria também dos vereadores Joaquim Alves (MDB) e Paulo Tadeu (PT), foi aprovada por unanimidade na última terça-feira, dia 26. Ciça afirma que tem recebido muitas reclamações a respeito do novo valor e defende uma lei específica para as alterações. De acordo com a Secretaria Municipal da Fazenda, o reajuste de 9,69% no IPTU foi calculado a partir do Índice Geral de Preços do Mercado (IGP-M). O prazo para pagamento da primeira parcela ou cota única vai dos dias 5 a 11 de abril.

 

BRASIL

- Estudo realizado pela Fundação SOS Mata Atlântica aponta que em 305 quilômetros do Rio Paraopeba não há condições de vida aquática. Uma expedição de ambientalistas percorreu o trecho entre Brumadinho, na região metropolitana de Belo Horizonte, até Felixlândia, na região central de Minas Gerais. Em 22 pontos do trecho foram feitas analises da água, sendo que em 10 deles a qualidade foi considerada ruim e em 12 deles considerada péssima. O relatório informou ainda que a lama destruiu 112 hectares de florestas nativas. A fundação afirma que o rio deve ser monitorado permanentemente e que não há prazo para que o ecossistema se recupere.

- A Petrobras teve lucro líquido de 25 bilhões e 779 milhões de dólares em 2018. Foi o primeiro resultado positivo depois de quatro anos seguidos de perdas. Segundo a companhia, o resultado foi influenciado pela redução das despesas com juros, devido à diminuição do endividamento. A empresa também teve crescimento das receitas graças aos ganhos com a renegociação de dívidas do setor elétrico. Em 2017, a Petrobras teve prejuízo de 446 milhões de Reais, muito por conta de acordo fechado para encerrar processos judiciais movidos por investidores nos Estados Unidos e pela adesão a programas de regularização fiscal.

 

MUNDO

- Em depoimento ao Congresso dos Estados Unidos na última quarta-feira, dia 27, Michael Cohen, ex-advogado de Donal Trump, chamou o presidente norte-americano de racista, vigarista e trapaceiro. Cohen disse que estava apresentando provas dos erros de Trump, incluindo um cheque pago a duas mulheres antes da eleição de 2016, para que escondessem seus relacionamentos com o político. Segundo ele, o presidente dirigiu as negociações para construir uma Trump Tower em Moscou, apesar de negar qualquer vínculo comercial com os russos. Entretanto, Cohen disse não ter provas sobre a relação da equipe de campanha de Trump com russos ligados ao governo de Vladimir Putin.

COMENTÁRIOS