On News: confira as notícias dessa segunda-feira, 11/2
10/02/2019 22:44 em Novidades

Vereadores foram convidads a visitar instalçaões da Alcoa para atestar sua segurança (Foto: Câmara Municipal)

 

CIDADE

- Representantes da 3Rios Resinas assinaram um protocolo de intenções para instalação em Poços de Caldas. A empresa faz parte do grupo M&G, que vai retomar as atividades no município. A 3Rios é a principal distribuidora de resina PET do Brasil, possuindo armazéns em Três Rios, no Rio de Janeiro, e no Recife, em Pernambuco. Com a transferência do centro de distribuição para Poços, deverá haver uma geração de 70 empregos diretos. Também está previsto um convênio com o Senai para a criação de cursos profissionalizantes, além de contrapartida social da empresa para promover melhorias nas unidades de educação infantil.

- O Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG) emitiu nota a respeito da situação que terminou com a prisão de cinco conselheiros tutelares de Poços de Caldas na semana passada. Segundo o documento, o que houve foi apenas uma condução coercitiva até a Delegacia de Polícia Civil, para a assinatura de um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO) após o descumprimento de uma ordem judicial. O impasse teve início com a determinação do recâmbio de dois menores infratores, presos por tráfico de drogas, para suas cidades de origem, prática que o Conselho Tutelar afirma não ser sua atribuição.

- A Unidade da Alcoa em Poços de Caldas recebeu um grupo de vereadores para conhecer suas operações e, principalmente, as Áreas de Resíduos de Bauxita (ARBs). A ação faz parte do Programa Alcoa de Portas Abertas, com visitas permanentes à Unidade. Segundo a empresa, as ARBs adotadas na cidade não têm similaridade com barragens de rejeitos de minério de ferro, como a que se rompeu na tragédia de Brumadinho. Durante a visita, foi mostrado como estas áreas são projetadas, construídas, operadas, monitoradas e reabilitadas, atendendo a rigorosos padrões e práticas nacionais e internacionais. Os vereadores ainda conhecerem in loco as ARBs para esclarecerem dúvidas.

 

BRASIL

- Os peritos que investigam o incêndio que matou 10 atletas no Centro de Treinamento do Flamengo, o Ninho do Urubu, querem saber se havia poliuretano na estrutura dos contêineres. O material é altamente inflamável e também foi usado na Boate Kiss, que pegou fogo em 2013, deixando 242 mortos. Em 2018, o clube investiu 26 milhões de Reais para modernizar as instalações do local. Segundo o Corpo de Bombeiros, o Flamengo deu entrada no projeto de segurança contra incêndios em 2010 e, desde então, a corporação diz fazer vistorias para checar o cumprimento de exigências, que nunca foram completamente atendidas.

 

MUNDO

- As Forças da Síria Democrática (FSD), uma aliança armada liderada por milícias curdas, anunciaram no último sábado, dia 9, o início da ofensiva final contra o último reduto do grupo jihadista Estado Islâmico, no nordeste da Síria. Antes do início dos ataques, foram evacuados cerca de 20 mil civis da região. Desde setembro do ano passado, as FSD, com o apoio da coalizão internacional, estão avançando contra as últimas áreas sob o controle do Estado Islâmico. O conflito na Síria teve início em 2011 e, desde então, já deixou mais de 360 mil mortos, além de milhões de refugiados que tiveram de deixar a região.

COMENTÁRIOS