On News: confira as notícias dessa terça-feira, 4/12
03/12/2018 23:01 em Novidades

Assaltante quase fugiu com celulares, perfumes e dinheiro de supermercado (Foto: Polícia Militar)

 

CIDADE

- Na madrugada do último domingo, dia 2, um homem foi preso durante assalto a um supermercado no centro de Poços de Caldas. Ele foi flagrado pela Polícia Militar enquanto fugia do local usando uma corda de rapel, tentando chegar ao Ribeirão Vai e Volta, que fica nos fundos do estabelecimento. Na véspera, ele havia deixado escondidos no estacionamento do supermercado equipamentos de solda, usados para interromper o fornecimento de energia elétrica. Com ele, foram apreendidos produtos como celulares e perfumes, além de quase 6 mil Reais em dinheiro.

- Ao longo da última segunda-feira, dia 3, o Palace Cassino hospedou o 1º Seminário da Pessoa com Deficiência. Promovido pela Secretaria Municipal de Promoção Social, o evento recebeu palestrantes das áreas de psicologia, arquitetura e direito. Outro destaque foi a palestra com Clodoaldo Silva, campeão paraolímpico de natação. Poços de Caldas possui uma Rede da Pessoa com Deficiência, na qual integram as entidades AADV, Adefip e Apae. Além disso, o Centro de Referência Especializado em Assistência Social (CREAS) atualmente conta com um núcleo destinado às pessoas com deficiência.

- Nessa terça-feira, dia 4, acontece a tradicional Caravana de Natal da Coca-Cola. A carreata vai contar com três caminhões iluminados, uma picape com o Papai Noel e um trio elétrico. Os veículos serão decorados por mais de 1.500 metros de mangueiras iluminadas por cerca de 40 mil lâmpadas. A saída está programada para as 7 horas e meia da noite, do shopping Poços de Caldas. O itinerário rumo ao centro irá percorrer Avenida João Pinheiro, Rua Junqueiras, Praça Pedro Sanches, Rua Pernambuco, Rua Assis Figueiredo, Rua Rio Grande do Sul e Avenida Francisco Salles.

 

BRASIL

- O ministro extraordinário da transição, Onyx Lorenzoni, confirmou a extinção do Ministério do Trabalho a partir de 1º de janeiro, quando o presidente Jair Bolsonaro assume o governo. Segundo Lorenzoni, as concessões de cartas sindicais e a fiscalização das condições de trabalho ficarão a cargo da equipe de Sergio Moro, ministro da Justiça. Ao mesmo tempo, entre as equipes de Paulo Guedes, ministro da Economia, e Osmar Terra, ministro da Cidadania, serão divididas as políticas de emprego. Onyx afirmou ainda que o futuro governo terá 20 ministérios funcionais e dois eventuais, que são estruturas temporariamente com status ministerial.

 

MUNDO

- O Banco Mundial anunciou, durante a Conferência do Clima da ONU (COP24), que acontece na Polônia, investimento de 200 bilhões de dólares de apoio a ações climáticas, dinheiro que estará disponível entre 2021 e 2025. Metade desse valor deve ir para a construção de casas, escolas e infraestruturas melhor adaptadas, além do investimento em agricultura inteligente, gestão sustentável de água e redes de segurança social. Algumas ações incluem o apoio a sistemas de alerta antecipado e serviços de informação climática, preparando para riscos climáticos 250 milhões de pessoas de 30 países em desenvolvimento.

COMENTÁRIOS